Quilombo de Felipa

Imagine mangueiras gigantes, sombras largas, redondas, fiquei estacionada embaixo de uma delas. A Nielsa me contou que aquela mangueira sabe de muitas histórias. Quando eles nasceram ela já estava lá e é sob sua sombra que a comunidade faz suas reuniões, conversam, trocam idéias e as crianças brincam.

Foram dois dias de uma experiência incrível, eu bem que descansei meus pneus da estrada. O pessoal curtiu conhecer um carro que além de casa tem um nome e gosta de escrever história. Mas nem bem se aproximavam para me ver, eis que se deparavam com o Chico, sentado confortavelmente na poltrona traseira. Ai a festa era só dele: uns se aproximavam desconfiados, outros corriam e a galerinha gritava e ria muito. Esse boneco é danado!

felipa chibe

Ah! Antes de me despedir quero agradecer ao pessoal do Quilombo de Felipa pelo carinho e pela generosa acolhida.

Um bibi! Fom! Fom! De nós para vocês.

Fuiiiiiiiiiiiiiii!

Post a Comment

Your email is never shared. Required fields are marked *

*
*