Adivinha onde estou?

Nem imagina, né? Pois lhe digo: rodava o mundo quando fui sentindo crescer dentro de mim um rio de saudade. Um rio cuja água tem a cor verde azulada do mar, mas não é mar. Adivinhou? Ah! sim! É o São Francisco. Nas voltas que a vida dá, tô eu cá, a beiro do Velho Chico, sentindo a brisa fresca que emana de suas águas e o calor próprio da beira rio.

IMG_5436

Ah! São Francisco, meu velho! Nesta viagem vi você lindo e também assoriado. Vi orlas lindas e orlas descuidadas. Visitei as barragens que alteraram seu jeito de ser…, vi você raso e profundo. Escutei sobre o Nego d’água e seus encantos todos. Meu velho rio, quanto mais conheço, mais o amo.

IMG_5289

Bibi!! Fom! Fom!

One Comment

  1. alinne gomes
    Posted 18/11/2011 at 5:33 pm | Permalink

    muito bom o blog de voces, e desde já sejam bem vindos a petrolina.

Post a Comment

Your email is never shared. Required fields are marked *

*
*